14 de outubro de 2019

Concurso para o TCDF é autorizado e edital sai ainda este ano



Professores do IMP Concursos dão dicas para quem está se preparando para o certame e aulão solidário ajuda a reforçar os estudos
O concurso do Tribunal de Contas do Distrito Federal foi autorizado na última semana.  Serão oferecidas 12 vagas para os cargos de Procurador do MPC, Auditor de Controle Externo e Auditor Conselheiro Substituto e os salários podem chegar a 33 mil.  A previsão é que o edital seja publicado ainda esse ano e a expectativa e que as provas aconteçam até março de 2020.
O Professor de Administração Pública José Wesley comenta e dá algumas informações para quem vai se preparar para o certame.
Segundo José Wesley, o TCDF está entre as melhores instituições para trabalhar, fora a nobre atribuição de controle externo da Administração Pública. “O concurso requer muito estudo e conta com muitas matérias, mas aqueles que se dispuserem a enfrentar não irão se arrepender”, comenta José.
O professor cita ainda, os valiosos benefícios oferecidos pelo TCDF:
  • Gratificação de Atividade da Carreira de Controle Externo (GACE);
  • Adicional de Qualificação;
  • Vantagens pessoais nominalmente identificadas;
  • Vantagens pessoais, gratificações e adicionais estabelecidos em lei.
Para o professor de Direito Administrativo e Direito Constitucional Ricardo Blanco essa é a hora dos concursandos focarem na preparação pois a previsão é que esse edital seja lançado o mais rápido possível.
“Concursos de carreiras fiscais são bem concorridos e o nível do concursando que procura esse tipo de concurso é bem elevado. A dica é a antecipação da preparação antes mesmo de sair o edital, para competir com igualdade com quem já está estudando a um bom tempo”, destaca o professor.
Confira algumas valiosas dicas de Ricardo Blanco:
  • Ficar atento as matérias de Direito Constitucional e Direito Administrativo
  • Na parte de Direito Constitucional focar principalmente no que envolve Poder Legislativo e Tribunal de Contas
  • O artigo 71 da Constituição Federal fala de atribuições do TCU, que por simetria se aplicam também ao Tribunal de Contas do DF
Aulão Solidário
Para quem busca intensificar ou reforçar os estudos o IMP Concursos oferece um aulão solidário de Direito Constitucional com o professor Orlando Júnior. O aulão será no próximo domingo (06/10), das 14h30 às 17h30, na unidade Asa Sul. As inscrições serão apenas presenciais e para participar será necessário doar um brinquedo novo no ato da matrícula. O evento está sujeito a lotação. Mais informações: www.impconcursos.com.br

Serviço Aulão Solidário Direito Constitucional 
Unidade Asa Sul - Brasília
Endereço: L2 Sul SGAS 603 Conjunto "C"
Data: 06/10
Horário: 14h30 às 17h30
Telefone: 61 3029-9700

Faculdade oferece tratamentos estéticos a preço de custo



A saúde da pele começa por uma boa limpeza!  Para inaugurar seu novo núcleo de estética a Escola de Saúde Unyleya vai oferecer procedimentos faciais a preço de custo. Os tratamentos serão, limpeza de pele, higienização, hidratação, revitalização e controle da oleosidade, todos realizados com dermocosméticos, vapor de ozônio e eletroterápicos.

A fim de proporcionar ainda mais prática aos estudantes, os valores dos procedimentos ofertados correspondem apenas aos custos relativos aos insumos e equipamentos utilizados. Os alunos já possuem pelo menos 100 horas de prática e realizam os atendimentos sob a supervisão de um responsável técnico que também é professor da instituição.

Para se inscrever basta acessar os links e escolher a data e o procedimento que deseja realizar. Terças e Quintas - https://bit.ly/2lLs8eO  Finais de semana - https://bit.ly/2kEDyRi

Serviço

Valor único R$ 49,90
Local: Local de Saude Unyleya – Av. Jacarandá,lote 16 – Águas Claras
Telefone: 9 83192626
Vagas limitadas – Garanta já a sua! 

25 de setembro de 2019

Dupla sertaneja brasiliense lança novo clipe em setembro

Ricco e Rony escreveram a música baseada em fatos reais. Clipe vai ao ar nesta quinta (26)


A dupla sertaneja brasiliense, Ricco e Rony, lança o novo clipe de trabalho, nesta quinta-feira (26). O hit que promete alcançar todo o público de Brasília foi produzido baseado em fatos reais, quando um amigo dos cantores revelou intimidades sobre o relacionamento. "A cabeça do compositor já pensa em música em qualquer situação. Desde então decidimos escrever sobre esse acontecimento e nasceu o hit "Duas Vezes Melhor", explica Ricco.

A expectativa dos artistas com a nova música são as melhores e prometem inovação com a produção e direção da mesma. "Produzimos essa canção de uma forma totalmente diferente das coisas que vemos no mercado da música. Preparamos um clipe com uma extrema qualidade, até por conta da exigência do público, atualmente", afirma Rony. 

A música 'Duas Vezes Melhor', assim que lançada, estará disponível em todas as plataformas digitais como YouTube, Spotfy, Deezer, entre outras, para que os fãs tenham fácil acesso ao novo hit que vai conquistar o Brasil.

Sobre os artistas

Ricco e Rony são primos. Ricco, 27 anos, nasceu e cresceu na capital federal. Segundo ele, sempre se interessou pela música e aprendeu a tocar violão e outros instrumentos e, em seguida, passou a tocar na igreja, onde desenvolveu suas habilidades musicais.

Já Rony, 30 anos, nasceu na Bahia onde viveu até os dez anos de idade. Ainda muito novo, mudou-se para Brasília que o abraçou no mundo da música e despertou interesse em instrumentos musicais. 

A dupla sempre se encontrava em festas da família e faziam dueto ao cantar hits sertanejos nas festividades. Em meados de 2012 receberam convite, através da produtora 'Caminho das Estrelas que agenciava artistas locais, para formarem uma dupla, e assim foi aceito. 

No mesmo ano de formação, Ricco e Rony já gravaram o primeiro CD, com dez faixas autorais. Um dos hits que marcaram a trajetória foi "Bagunçar Minha Cama", que os levaram para shows das principais casas noturnas da cidade, rádio e até mesmo TV. Além do CD autoral e o novo clipe que está prestes a ser lançado, os artistas possuem diversas composições como "PT do Amor" e que fazem os cantores levarem alegria e boa música por onde passam.

19 de setembro de 2019

Publicado o edital do concurso da Sefaz-DF



A remuneração inicial para o cargo de auditor fiscal da Receita do DF é de R$14.970, professor dá dicas para quem vai fazer a prova em fevereiro
A Secretaria de Fazenda do Distrito Federal (Sefaz-DF) publicou o edital para o concurso com o preenchimento de 120 vagas, sendo 40 para contratação imediata e outras 80 para cadastro reserva. As inscrições começam no dia 22 de novembro e terminam no dia 19 de dezembro de 2019. A aplicação da prova objetiva está marcada para o dia 2 de fevereiro de 2020 e o valor da taxa de inscrição é de R$ 55.

A remuneração inicial para o cargo de Auditor Fiscal da Receita do DF é de R$14.970. O concurso será dividido em etapas de caráter eliminatório e classificatório, sendo elas a prova objetiva, discursiva e avaliação de vida pregressa.

O professor de Direito Tributário Ismael Noronha, do IMP Concursos, dá algumas dicas para os concursandos que estão se preparando para esse certame.

Para Noronha, Direito Tributário é a disciplina base do concurso. “O Auditor Fiscal do DF irá desempenhar sua atividade baseando-se nessa matéria e na de legislação tributária. Então, conhecer a fundo é relevante não apenas para ser aprovado no concurso, mas também para desempenhar com qualidade a atividade após a aprovação”, pontua.

O professor afirma que uma preparação aprofundada é indispensável. “As provas de direito tributário, na maioria das questões, cobram as disposições expressas do CTN e a jurisprudência do STF e do STJ. Para esse concurso, creio que o nível de conhecimento jurisprudencial será elevado”, alerta, Ismael.

Em relação aos erros mais comuns na hora da prova, o professor dá dicas de como se planejar e otimizar o tempo, tendo em vista que a avaliação é grande e engloba muitas disciplinas. “Aconselho que se comece por português, matemática financeira, raciocínio lógico, estatística e contabilidade. Essas são as matérias que exigem mais tempo de raciocínio do candidato. Mas cuidado para não dar tempo demais a essas e ficar com pouco tempo para resolver as outras. O treinamento é indispensável para adquirir velocidade na resolução dessas questões”, aconselha o professor.

Se adaptar ao perfil da banca também é importante para uma prova mais tranquila. “Os enunciados das questões devem ser lidos com calma para evitar equívocos em relação ao que está sendo pedido pelo examinador. Cuidado com aqueles itens sobre os quais você não tem um nível grande de certeza. Lembre-se que um item errado cancela um item certo. Aconselho que você não deixe mais de 15% de itens em branco” finaliza o professor Ismael Noronha. 

7 de setembro de 2019

A peça “Minha Casa Minha Dívida” está de volta totalmente reformulada

Após um hiato de mais de dois anos, a Cia. de Comédia G7 decidiu adaptar e revisitar um dos seus maiores sucessos. Há mais contas entre o aluguel e a casa própria do que sonha nossa vã filosofia

A peça “Minha Casa Minha Dívida” está de volta totalmente reformulada

Após um hiato de mais de dois anos, a Cia. de Comédia G7 decidiu adaptar e revisitar um dos seus maiores sucessos. Há mais contas entre o aluguel e a casa própria do que sonha nossa vã filosofia

A peça “Minha Casa Minha Dívida” está de volta totalmente reformulada

Após um hiato de mais de dois anos, a Cia. de Comédia G7 decidiu adaptar e revisitar um dos seus maiores sucessos. Há mais contas entre o aluguel e a casa própria do que sonha nossa vã filosofia

12 de agosto de 2019

Sonia Chaves: professora que luta pela educação.


Sindicato dos Professores mantém greve irregular para desmoralizar prefeita e tiro sai pela culatra.



Prefeita Sônia Chaves em visita a entidade de mulheres.


A Prefeita Sonia Chaves.
Professora aposentada, conhecida pela sua atuação política voltada para a educação. Durante sua gestão, os professores já tiveram um reajuste salarial de 12,76%, com salários que variam de 4000 a 8000 reais, muito acima do piso nacional. A rede municipal de Novo Gama conta com 33 escolas e mais duas unidades de ensino especial. O município também conta com o projeto FORMAR, criado em parceria com a Fundação Lemman (organização sem fins lucrativos que colabora com iniciativas para a educação pública em todo o Brasil, além de não ser associada a nenhuma organização privada e não mostrar apoio a nenhum partido, coligação ou campanha eleitoral) para a capacitação de professores.
O governo de Sonia também se preocupou com a capacitação do corpo de merendeiras nas escolas, e hoje garante merenda escolar de acordo com as normas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e o investimento de mais de 60% na agricultura familiar.
Dois polos do Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado (CMAEESP) foram criados, e neles são atendidas crianças e adolescentes com deficiência nas áreas comportamentais, psicossociais e emocionais, totalizando 329 estudantes recebendo acompanhamento de segunda a sexta-feira em ambos os turnos matutino e vespertino.
Pela primeira vez no município há a oportunidade de educação superior EAD gratuita graças ao projeto UEG em Rede, fruto da parceria entre a prefeitura de Novo Gama e a Universidade Estadual do Goiás.

A Jornada Ampliada, a greve e o Sinpro/NG.
Os professores devem por Lei cumprir 26 horas de aulas e 14 horas de coordenação por semana. Durante a Jornada Ampliada, os docentes trabalhavam por apenas um turno, manhã ou tarde, tendo o tempo restante livre para o planejamento das aulas, e consequentemente a prefeitura precisava contratar mais professores para cobrir os turnos vagos. Essas contratações quase deixaram o município em maus lençóis com a Lei de Responsabilidade Fiscal, e seria um sacrifício muito grande por muito pouco: o IDEB (Índice de Desenvolvimento de Educação Básica) indica que durante a Jornada a educação em Novo Gama decaiu drasticamente.
A prefeitura decidiu então encerrar o programa, que consistia basicamente em um remanejamento de turnos para beneficiar os professores. Desde então, o Sinpro/NG (Sindicato dos Professores de Novo Gama) convocou os professores para uma greve geral, e há quase três meses as escolas do município estão paralisadas.
O caso foi parar na Justiça, que fez questão de enfatizar que o requerente (Município de Novo Gama) “readequou a carga horária nas escolas municipais sem violação da Lei n. 11.738/2008 e da LDB n. 9.394/96, visando cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal e, posteriormente, os professores de Novo Gama organizaram um movimento paredista, paralisando os serviços da rede de educação pública municipal, desde 20/05/2019”.
Acerca dos prejuízos causados pela greve, a Justiça também deixou claro que “neste contexto, a inconstitucionalidade observada no Decreto Legislativo Significa um evidente prejuízo à população novogamense que certamente é quem pagará as despesas com a manutenção de uma folha de pagamento maior que aquela suportável pelo Município”. O Sinpro/NG continuou a greve, estando assim propenso a ser multado de 20.000 a 150.000 reais.
Ainda que no meio de uma situação revoltante, em que todo o seu trabalho pela educação é usado com desdém como uma moeda de troca, a prefeita tem trabalhado em propostas alternativas que possibilitem a normalização das atividades escolares sem colaboração do Sindicato, que até agora se mostrou inflexível aos acordos propostos e nada colaborativo.

Arquivo